segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

Maquiagem para noite

Achei muito legal estar postando este vidéo pra você, porque ja apanhei muito na frente do espelho tentando me maquiar, e ficar um horror.
Mas como chega a hora das festas de fim de ano, é hora de ficar mais bonita, e está dica é sensacional, então divirta-se e aprenda a fazer uma linda maquiagem.

Por que meu cabelo não cresce?

Achei muito interessante está materia, que encontrei no site delas.ig.com.br, e decidir posta-lá no meu blog.
Está pergunta já me intrigou muito, sabe poque que meus cabelos não crescia, se eu dava banhos de cremes, ampolas de vitaminas e etc.
E achei a resposta, e quero compartilha-lá com você.
Então boa leitura, e um bom crescimento para seus cabelos.
O cabelo é a moldura do rosto, e por isso um grande motivo de preocupação das mulheres. Alisamos, cortamos, enrolamos e, mesmo assim, estamos sempre insatisfeitas com a aparência das madeixas.

Se você é daquelas que corta o cabelo de três em três meses, sempre na lua cheia ou crescente, usa milhares de cremes, aplica receitas caseiras e mesmo assim seu cabelo não cresce, saiba que existe uma resposta científica para esse problema.

“O crescimento do cabelo tem relação com a circulação sangüínea. Dessa forma, a má circulação resulta na deficiência de nutrição dos fios e, por conseqüência, dificulta o crescimento”, explica Valcinir Bedin, presidente da Sociedade Brasileira para Estudos do Cabelo.

Outro fator é a genética, que contribui bastante para a formação da cabeleira. Só pra você ter uma idéia, o comprimento máximo que um fio pode ter varia de 40cm até 80cm, tudo vai depender da formação genética. Aí pode estar a resposta para aquela antiga dúvida: “meu cabelo não cresce depois de certo ponto”.

Cremes, ampolas e blá blá blá
Segundo Bedin, os tratamentos apresentados no mercado, como cremes e máscaras, servem para hidratar os cabelos, mas não auxiliam no crescimento. Despejar ampolas de vitaminas compradas em perfumarias dentro do xampu também não adianta. Para estimular o crescimento dos fios é necessário consultar um dermatologista, ele poderá indicar vitaminas com princípios ativos eficientes, seja para aplicação ou ingestão.

“Só depois que o problema for avaliado por dosagens laboratoriais e diagnosticado é que o médico pode dar uma solução para o problema”, aconselha Bedin.

Na cabeça das famosas
Mas se o seu problema for só falta de paciência, os apliques podem ser ótimas soluções. Neste caso, a novidade é a técnica italiana de “alongamento e espessamento” Great Lengths. Feito a partir de cabelos naturais, a técnica alonga e dá volume aos fios. Além disso, é resistente à piscina e ao secador. Várias famosas já são adeptas, como Giovanna Antonelli, Déborah Falabella e Paris Hilton. O preço aproximado é de R$2.500,00 e dura, em média, cinco meses.

Ah, e não adianta rezar. Normalmente, um fio “normal” cresce cerca de 12 cm por ano.

Autora:Amanda Figueiredo

domingo, 30 de dezembro de 2007

Corte do cabelo da Gisele Bündchen passo-a-passo

Você sabia que o corte da Gisele Bundchen é o mais desejado entre as mulheres, então aprenda a fazer, e fique bonita e atraente.

Médio ondulado - Corte em degradê na parte frontal, com comprimento reto e franja até o nariz.


Base: a franja deve ser cortada reta, na altura do nariz. Faça um corte reto também no comprimento, na altura do ombro.


Degrade: Com cuidado divida os cabelos em duas partes. Puxe mechas de uma das partes para a lateral, sem elevá-las, e desfie 3 a 4 centímetros, a partir da ponta, entrando com a tesoura nos fios. Este é o corte é um corte juvenil; nas garotas jovens não lhe fazem parecer mais velha, e em gente grande, rejuvenesce.O corte degrade, tem um mesmo comprimento em toda a cabeça, tanto no contorno como nas laterais, na nuca, na frente e na parte superior tem uns 8 ou 9 cm, aproximadamente, para dar este volume e poder deixar naturalmente ao ar e ao vento.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Corte do cabelo da Ivete Sangalo passo-a- passo


Longo liso - Corte desfiado frontal, com franja longa, na altura do nariz.

Base: separe mechas, leve-as em direção ao centro do rosto e corte na altura do nariz. Faça o mesmo embaixo, levando os cabelos em direção ao queixo.

Desfiado: eleve as mechas frontais e desfie com tesoura, como mostra o desenho. Para desfiar a franja, use navalha, dando mais leveza aos fios.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Tratamento marroquino- Dúvidas

Pode se aplicar o tratamento capilar marroquino logo após um relaxamento?
Não tem problema, não afeta a estrutura do fio, não vai danificar nada. Pelo contrário, vai tratar dar mais emoliência no fio, vai dar um efeito perfeitamente liso.

Pode se aplicar o tratamento capilar marroquino, em cabelos tingidos?
Não tem problema, pode aplicar, não vai desbotar. Pode ser cores tropicais como: Vermelho, chocolate até mesmo o loiro, não desbota. No dia seguinte, vai vitalizar muito mais a cor.

Qual deve ser o intervalo entre as aplicações?
Com 15 dias você pode fazer uma nova aplicação, não vai arrebentar o fio não vai ressecar, pelo contrário, além de alisar e tratar vai trabalhar fibra no fio, devolver proteína, tanto é que a base dele é argila, o que a argila faz? Ela trata o fio.

Devo colorir o cabelo, antes ou depois de aplicar o tratamento marroquino?
Antes, por quê? O produto vai pingar melhor no fio, porque a cutícula vai estar aberta, onde o produto vai penetrar com maior facilidade. Quando você passar a prancha, você vai selar a cutícula onde o produto fica dentro do córtex do fio, então o ideal é fazer a coloração antes do tratamento capilar marroquino.



Pode se aplicar o tratamento capilar marroquino em um cabelo virgem?
Tem que ter cuidado, por quê? O cabelo virgem a cutícula é mais resistente, então, se você usar um shampoo, de PH mais baixo, não vai abrir tanto a cutícula, o ideal, é você lavar os cabelos com um shampoo com o PH mais alto, tipo: PH7.5 ou PH8; Aonde vai escancarar a cutícula, e você vai aplicar o produto e vai r4eduzir o volume alisando mais, se você utilizar um shampoo com o PH mais baixo, ele vai somente tratar, não vai reduzir o volume.

Tratamento Marroquino Passo a Passo

Tratamento Marroquino- Passo a Passo
Estarei apresentando pra vocês o tratamento marroquino, e estarei passando passo a passo, de como é utilizado o produto.
O cabelo apresentado é um cabelo mais grosso o desgaste da cutícula é maior, este cabelo tem raiz bem ondulada.

1° passo- Começando pelo shampoo ante resíduos, da nouar. Este shampoo deixa o cabelo leve, ele não deixa o cabelo duro como estes outros shampoo, ele deixa o cabelo mais macio.

2° passo- Depois da lavagem com o shampoo ante resíduos, você deve dividir os cabelos e aplicar a argila. A argila é passada um dedo longe da raiz, pra não dar excesso do produto, sempre colocando o cabelo para traz fugindo da região dos olhos. Ele não possui cheiro agressivo, não incomoda, tem o cheiro bem agradável. É necessário sempre tirar o excesso do cabelo com o pente fino, obter cuidado na hora de pentear para não arrebentar o fio.

3° passo
- Depois de aplicado a argila, aguardar 15 minutos.

4° passo- Logo após, faça uma secagem de uns 60% dos cabelos, tem que deixa-los um pouco úmido, não pode secar nem 80% nem 90%.

5° passo- Faça uma escova após a secagem dos 60%.

6° passo- Você deve pranchar o cabelo, com maior cuidado possível, você não deve amarrar o cabelo nem torcer-lo, e necessário deixa-ló solto .

Este é o produto marroquino, da nouar.
Agora você assistirá o vidéo mostrando passo a passo.

Definição de Escova Marroquina

Definição da escova mais querida.
É um cosmético desenvolvido no Marrocos para alisar, relaxar,amaciar, tratar os cabelos danificados e crespos de maneira eficaz.

A ação da argila branca e óleo de cacau do Marrocos, associados aos bioativos especiais presentes na formula exclusiva do Alisamento Marroquino Nouar recuperam intensivamente fios fragilizados, proporcionando brilho, elasticidade e um efeito liso perfeito, natural e duradouro.

Além de tratar os cabelos, o brilho vai voltando naturalmente. Já ouvi vários depoimentos, e achei muito interessante.

Mas este produto so pode ser passado por um profissional, não o ultilize em casa para que não haja danificação dos seus cabelos.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Questões Fundamentais para Combater o Problema da caspa


Caspa, eu! Sim. Ela é um problema que a grande maioria das pessoas possuem e alguns até negam. Atualmente pode parecer uma vergonha em ter caspas, mas este foi um recurso que o ex-presidente Jânio Quadros usou há mais de 40 anos atrás como instrumento de marketing para se aproximar da classe trabalhadora naquela época.

Passado todo estes anos, hoje quando ouvimos falar em caspa pensamos logo naquela descamação e oleosidade excessiva que aparece no couro cabeludo, formando crostas de aspectos e cheiro desagradável e que coça.

Essas escamas podem ser secas e aderidas ao couro cabeludo. Para que se tenha caspa é preciso que se tenha tendência, ou seja, certa predisposição.

A caspa não é contagiosa, ocorre em ambos os sexos, tem períodos de melhoras e pioras, sendo que 50% dos brasileiros têm caspa pelo menos uma vez ao ano. Sua causa não está decisivamente estabelecida, podendo ser agravada pelo frio, transpiração, baixa freqüência de lavagem dos cabelos, estados de tensão nervosa que propiciam o aumento de microorganismos como bactérias e fungos no couro cabeludo, como o fungo Ptyrosporum ovale.

Uma manifestação bastante precoce de caspa é a crosta láctea do recém-nascido, que são aquelas escamas, formando crostas bastante aderentes que se observa em alguns bebês. Muitas pessoas com caspa evitam lavar a cabeça, com medo de que os cabelos caiam, ficando assim com os cabelos empastados, o que agrava ainda mais o quadro, quando não tratada a tempo, a caspa pode levar à calvície, tanto em homens como em mulheres, portanto não só a hereditariedade influi no surgimento da calvície como se pensava, sendo a caspa uma delas.

Como a caspa não tem cura definitiva, segundo estudiosos do assunto, pode-se dizer que a propriedade mais desejável de um xampu anticaspa é a sua remoção e a supressão da recorrência da mesma, até a próxima utilização do produto.

Alerta

Os especialistas advertem para não se deixar levar por propagandas enganosas, pois existe uma quantidade muito grande de xampus que prometem verdadeiros milagres contra a caspa, sendo que alguns, por conterem muitas substâncias químicas, podem até lesar os cabelos, se usados por muito tempo.

Procure só usar um xampu receitado por um médico dermatologista, pois este profissional saberá qual o produto mais indicado, se este for o seu problema.

Substâncias como o sulfato de selênio, zinco piridine, corticóides, ketoconazol, e o octopirox; usados sob a forma de xampus, condicionadores ou tônicos capilares, tem sido usados com bons resultados no controle da caspa.

O tratamento médico adequado e seguido corretamente pelo paciente controla ou mesmo acaba com a caspa; mas não para o resto da vida, pois em determinadas situações, ela pode voltar. Isso não quer dizer que não devemos tratá-la com o acompanhamento de um dermatologista. A falta do tratamento só vai contribuir para agravá-la.

No inverno a pele se torna mais oleosa, devido a maior atividade das glândulas sebáceas, por isso nesse período ela pode voltar nas pessoas que já têm propensão.

Um péssimo hábito das pessoas que tem caspas é achar que o mesmo medicamento ou produto usado por um amigo pode ter o mesmo efeito para ele. Cada caso é um caso, por isso ninguém melhor que um médico para determinar o que fazer e qual o melhor remédio. Além disso, é preciso tomar muito cuidado com as famosas receitas caseiras. Determinados recursos podem somente provocar irritações e não solução para o problema.

Orientação e Informação

Um das questões básicas de quem tem caspa é reforçar ainda mais a higiene e cuidados. Como a higienização é fundamental, as pessoas devem lavar periodicamente os cabelos.

A lavagem contribui sobremaneira para remoção de agentes poluidores como poeiras, resíduos industriais, além disso, elimina a oleosidade excessiva. Um mito que precisa ser desfeito é que lavar a cabeça todo dia causa a queda de fios. Uma inverdade, pois a lavagem dos cabelos pode apenas eliminar os que iam cair de qualquer forma.

Outro reforço importante para os portadores da caspa é tentar centrar a alimentação em uma dieta mais saudável. Portanto adquirir hábitos alimentares saudáveis, não melhora somente o problema da caspa, mas também ajuda em uma série de outros problemas que estão relacionados com a dieta alimentar, por exemplo, o excesso de peso, colesterol alto, entre outros.

Assim, incluir frutas, legumes, alimentos protéicos e evitar o uso de gorduras animais e açucares em excesso, ajuda o corpo a se tornar mais saudável e contribuem para a melhoria do problema. Uma alimentação equilibrada é uma grande aliada, pois a caspa também tem relação com desnutrição e distúrbios digestivos.

Com relação as bebidas alcoólicas, vários estudiosos sobre o assunto alertam que o álcool inibe a atividade de algumas vitaminas do complexo B, que agem no folículo piloso, ou seja, na raiz dos cabelos, causando desequilíbrio das glândulas sebáceas. É nessa região que passam a funcionar mais gerando a hipersecreção sebácea, que se deposita na superfície do couro cabeludo, formando a caspa.

Outro grande vilão é o stress. Se não for possível evitar pelo ao menos tente combater as situações de stress crônico ou seja, o excesso de tensão procurando relaxar.

A tensão nervosa age de forma extremamente negativa, o que pode levar ao aparecimento de distúrbios gastrintestinais, cardiovasculares, psíquicos, além de provocar uma baixa das defesas do sistema imunológico, como também provocar uma série de problemas dermatológicos, entre eles, a caspa.

Se você quiser ficar livre deste incômodo, a melhor receita é procurar orientação de um médico. Discutir o problema, se orientar e cuidar, só vai contribuir para a melhoria do problema.

Para ativar a circulação no couro cabeludo a massagem capilar é uma opção. Fazer uma automassagem com as mãos pressionando o couro cabeludo com a ponta dos dedos, é importante. Não custa nada gastar uns cinco minutos todos os dias para desenvolver este hábito. A ativação da circulação no couro cabeludo pode ajudar bastante, além de funcionar como uma técnica de relaxamento.

Como saúde e automedicação não combinam, buscar a orientação de um especialista - no caso um dermatologista é sempre o melhor caminho.
Reportagem tirada do site boasaude.uol.com.br

Corte de cabelo. Passo a passo

Corte para seu tipo de rosto

Se você tiver em mente que o cabelo faz para o rosto o papel que uma moldura faz para um quadro, o corte de cabelo ideal para cada tipo de rosto deve ser cuidadosamente analisado para que por pouco, muito pouco, aquele gesto, tipo quase inofensivo, de dar uma aparadinha nas pontas, ou, até mesmo, a tentativa de ficar na moda, cortando o cabelo com o mesmo corte da heroina da novela das oito, transforme o seu quadro - ops! - o seu rosto, que parecia tão harmonioso dentro da sua moldura, num "quadro" bem difícil de se olhar, pelo menos nos próximos meses, já que, graças à Deus, o cabelo cresce!

ROSTO OVAL

Como é um tipo de rosto bem proporcional, geralmente aceita qualquer tipo de corte ou penteado, desde que deixe o rosto em evidência. Esse tipo de rosto não precisa de franjão, nem de fios desfiados em volta do rosto; é uma sortuda quem o tem.

ROSTO REDONDO

A pessoa de rosto redondo, geralmente, é aquela que tem bastante bochechas, testa curta e queixo pequeno. Use e abuse de franjas, afinal, elas vão tapar a sua testa pequena e vão dar uma ilusão de que o seu rosto não é tão redondo assim. Para finalizar, o ideal é deixar o cabelo numa altura que passe do queixo, como que se encaixando nele, sem muito volume.

ROSTO QUADRADO

A pessoa que possui o rosto quadrado, tem testa grande. As maçãs do rosto e o maxilar acompanham a largura da testa. Para este tipo de rosto, o corte ideal é aquele que chama a atenção para as franjas em forma de topete, dando a impressão que a testa é menor, pelo volume que se forma no alto da cabeça. Os cabelos médios para longos são os que mais favorecem esse tipo de rosto.

ROSTO TRIANGULAR

A característica principal desse formato de rosto é que ele representa um coração, isto é, um triângulo invertido. A testa é larga , as maçãs do rosto são estreitas e o queixo bem pequeno. Evite usar os cabelos puxados para trás; a franja deve ser desfiada, sem muito destaque e o comprimento deve ser entre o queixo e o final do pescoço para atenuar o queixo pequeno.

Algumas dicas

Mesmo que a moda esteja indicando uma tendência, e você fique louca para acompanhá-la, lembre-se que o que mais conta é o seu estilo e formato de rosto. Por isso, pense bem e, quem sabe, a opinião de um cabeleireiro não ajudaria nesta hora.

Corte, pelo menos, as pontas. Elas são a parte mais ressecada do cabelo. O tempo ideal é de, mais ou menos, dois meses.

sábado, 22 de dezembro de 2007

É genial galera!!!


Olha que idéia linda!!!

Gosto de ver decorações com coisas naturais, alegra o ambiente.
Sensacional! Não posso deixar de fazer em casa, a turma vai adorar no natal.
Felicidades pra vocês!!!!

Que idéias legais!


Faça bichinhos com as frutas que seu filho não gosta de comer.
Até me deu vontade de comer!
Diferenciar um pouco anima o apetite

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Como prevenir a celulite


Antes que a celulite se instale, você pode entrar na briga contra esta inimiga. Alguns hábitos, incorporados ao dia-a-dia, podem ser bastante úteis:

- diariamente, após o banho, massageie as pernas e coxas com creme anticelulite. Os movimentos devem ser leves, circulares e ascendentes, desde o tornozelo até o quadril. O mesmo pode ser feito nos braços, indo até o ombro. O processo serve para mobilizar os líquidos acumulados.

- Prefira saltos baixos: o uso de salto alto dificulta a circulação.

- Respire corretamente, para ajudar a liberar toxinas, relaxar as tensões e auxiliar o sangue na sua função oxigenadora.

- A natação e a hidroginástica são as atividades especialmente aconselhadas no combate à celulite, porque trabalham toda a musculatura de forma harmoniosa, além de massagear os tecidos.

- Caso prefira algum outro exercício, escolha um de menor impacto, mais moderado e sem movimentos bruscos, para não agredir os tecidos. Substitua, por exemplo, a corrida pela caminhada.

- Sempre que puder, coloque as pernas para o alto, flexione e estenda os dedos dos pés, faça rotação externa, interna, flexão e extensão dos tornozelos, para facilitar o retorno venoso.

- Quando ficar muito tempo em pé ou sentada, descanse um pouco com as pernas para cima.

- Prefira as peças folgadas e confortáveis. Não use cintas redutoras, que dificultam a circulação venosa e linfática. As roupas justas também prejudicam a circulação.

- Aumente a ingestão de frutas e vegetais crus e cozidos.

- Troque frituras por assados ou cozidos.

- Evite consumir açúcar refinado.

- Evite sal em excesso: ele favorece o edema, fator importante no processo da celulite.

- Evite refrigerantes e bebidas alcoólicas em geral.

- Evite cigarro: a nicotina e o alcatrão aumentam a espessura dos vasos sangüíneos, dificultando a circulação.

- Beba bastante água, para ajudar a eliminar as toxinas.

- Coma alimentos ricos em fibras (cereais integrais, frutas, verduras), a fim de melhorar seu hábito intestinal

Auxílio no combate à celulite
Atualmente existem alguns suplementos que auxiliam no combate à celulite. A seguir veremos suscintamente como tais suplementos agem em nosso organismo.

L-carnitina: tem como objetivo aumentar o consumo das gorduras, com isto auxilia na queima de gorduras nas regiões comprometidas pela celulite.

Castanha-da- índia: a castanha estimula a circulação cutânea e de retorno, auxiliando assim na eliminação de toxinas subcutâneas.

Centelha asiática: da mesma forma que a castanha-da-índia a centella asiática estimula a circulação cutânea e de retorno, auxiliando na eliminação de toxinas subcutâneas.

Ginkgo biloba: o ginkgo atua ativando a microcirculação, aumentando a perfusão de oxigênio aos tecidos.

Quais os tratamentos de celulite

Drenagem linfática

Indicada, seja qual for a intensidade do problema. Trata-se de uma massagem suave, que facilita o escoamento da linfa, melhorando a circulação sangüínea e eliminando as toxinas. Pode ser feita com as mãos ou com a ajuda de aparelhos, mas sempre por um profissional treinado e que conheça a anatomia linfática.

Endermologia


É um tipo de massagem mecânica realizada através de um aparelho que produz um vácuo suave, que puxa e solta a pele, acompanhado de movimentos que seguem a circulação linfática. Estimula a dissolução dos nódulos e a eliminação da gordura, melhorando muito o processo de celulite.

Indermoterapia

É uma técnica de drenagem linfática com sucção, feita através de ventosas e roletes que exercem compressão sobre os tecidos celulíticos, para que seu aspecto característico seja atenuado. Diminui a extensão da região afetada e melhora apele como um todo.

Intrademoterapia

Neste tratamento é ministrado via oral ou injetada na região afetada uma medicação lipolítica. Para sucesso desta técnica, a gordura excedente tem que ser eliminada a través de exercícios e coma ajuda de uma reeducação alimentar. Caso contrário, a gordura volta para o local de onde saiu e pode até aumentar. A intradermoterapia deve ser combinada com outras técnicas, como a drenagem linfática manual ou pr sucção, para um melhor resultado, pois o método isolado não é capaz de resolver o problema da celulite.

Eletrolipoforese

Agulhas finas, semelhantes às usadas na acupuntura, ligadas a um aparelho especial que funciona com eletricidade são introduzidas na pele. Elas transmitem impulsos elétricos que melhoram a microcirculação.

Sub incision

Pequena intervenção cirúrgica, recomendada para as depressões provocadas pela celulite mais avançada. Pode ser realizada isoladamente para as depressões mais recentes e rasas, ou associada a uma lipoescultura, no caso das mais antigas. A sub incision simples é feita no consultório, com anestesia local, e a paciente volta para casa logo depois do procedimento. O médico usa uma agulha fina e cortante para romper as fibras enrijecidas, que repuxam a pele em algumas áreas e formam os furinhos. Não precisa de pontos nem deixa cicatriz. O processo é rápido, levando em média 2 minutos para corrigir cada depressão.

Iontoforese

Esta técnica consiste na introdução de medicamentos na pele, através de corrente galvânica. Placas específicas são aplicadas na área afetada, ajustadas com bandas elásticas. Sua intensidade varia de 5 a 15 MA, num tempo máximo de 30 minutos. Na metade da seção, inverte-se a polaridade do aparelho. As substâncias utilizadas durante o procedimento são soluções que estimulam a despolimerização dos mucopolissacarídeos do tecido conjuntivo.

Ultra-som

Aparelho que emite ondas de baixa freqüência numa profundidade de 3 a 4 cm, agitando as moléculas de água da região, que se colidem com as células adiposas, promovendo a eliminação de gordura e toxinas. Esta técnica não é eficiente para casos críticos de celulite e nem apresenta bons resultados se usada isoladamente

Um mal que acaba com a auto-estima de muitas mulheres.

A celulite é um problema estético que incomoda muito e acaba com a auto-estima de qualquer mulher. A sua característica é deixar ondulações nas pernas, no bumbum, nas coxas, e até na barriga.
Mas antes de começar um tratamento para evitar ou amenizar o aparecimento desse problema no seu corpo, saiba quais são suas três principais causas:

Hereditariedade:

se alguém tiver o problema na sua família você também pode ter;

Problemas circulatórios:

quando o sangue não flui bem, a drenagem das toxinas fica prejudicada e isso deixa o líquido que fica entre as células mais viscoso;

Alterações hormonais:

níveis de estrogênio (hormônio feminino) muito altos provocam disfunções no metabolismo que podem criar ou agravar a celulite. A pílula anticoncepcional também pode desencadear o problema, pois significa uma dose adicional de hormônios circulando no seu organismo.
Esses três fatores associados com a má alimentação, tensão emocional, sedentarismo, excesso de toxina no organismo e o uso constante de roupas apertadas estimulam ainda mais o aparecimento da celulite e a situação fica incontrolável.
Agora você já tem motivos de sobra para arregaçar as mangas e partir para a batalha contra esse mal. É indispensável ter uma alimentação saudável, fazer exercícios, utilizar esfoliantes e cremes redutores no corpo. Para um resultado eficaz e completo faça um tratamento estético específico para o seu caso. Assim, você estará prontinha para arrasar no verão sem os incômodos “furinhos”.

Causas

- Vida sedentária;
- Problemas Circulatórios;
- Estresse;
- Cigarro;
- Consumo insuficiente de água;
- Frituras;
- Chocolates;
- Café;
- Dieta inadequada;

Conheça os graus de celulite e veja em qual você está.



Grau 1: Não há alterações visíveis na pele e os furinhos somente são detectados quando os músculos estão contra�dos.

Grau 2: os furinhos já são percebidos sem a contração da pele.

Grau 3
: O efeito "casca de laranja" espalha-se pelo bumbum e pelas coxas. Há nódulos pequenos e médios endurecidos e as pernas ficam mais pesadas e cansadas devido a dificuldade da circulação sanguínea.

Grau 4: Está associado a um grande excesso de peso, ja que o acúmulo de gordura � terreno fértil para a celulite se instalar. Os nódulos tem cerca de três centímetros de largura; as depressões são profundas e o contorno corporal está� disforme. Os tratamentos indicados são mais severos e os resultados menores e mais demorados.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Como se forma?

Na puberdade, o estrogênio (hormonio feminino) passa a ser produzido em maior quantidade, fazendo com que aumente a retenção de líquido provocando uma concentração de gordura nas regiões como: pernas, abdimen, quadris, culotes, nadegas e coxas.

Normalmente, as células de gordura recebem oxigênio e nutrientes, e liberam água e toxinas. Quando não se consegue mais estabelecer esse mecanismo, essas células incham e comprimem os vasos sanguíneos, causando alteração de tecidos elásticos como elastina e colágeno.

O que é?

Alteração do tecido conjuntivo que provoca acúmulo de gordura e retenção de líquidos nas células, normalmente afetando as mulheres.

Celulite


Celulite - A inimiga numero 1 das mulheres
Ela chega como quem não quer nada e faz um grande estrago tirando o sossego de quem a carrega. A Celulite! Este problema estético acontece em cerca de 95% das mulheres e raramente nos homens. Aparece em pessoas magras, obesas e normais, por isso não está relacionada a obesidade.

Desfazendo mitos


Ler no banheiro causa hemorróidas?
Infelizmente, se permanecermos longo tempo no vaso sanitário, podemos ter hemorróidas, que são a dilatação das veias do ânus. Fezes muito duras ou de grande calibre têm o mesmo efeito. Mas o banheiro continua sendo a melhor sala de leitura para muitos. Porém, é bom selecionar livros com capítulos curtos.


As células-tronco irão curar todas as doenças?
As células-tronco são células que podem gerar qualquer outra célula do organismo (do coração ou do cérebro, por exemplo). Elas estão presentes em todos os tecidos e têm a incumbência de regenerá-los em casos de trauma ou até evitar o envelhecimento natural. No entanto, há dois problemas. O primeiro é que, à medida que envelhecemos, nossas células-tronco vão perdendo a capacidade de regenerar tecidos, e a ciência ainda não sabe por que isso acontece. O segundo problema é que o cultivo e a aplicação clínica de células-tronco recém estão em seu início e ainda há um longo caminho para a pesquisa. Por enquanto, as células-tronco são apenas uma promessa.


Mau hálito, um problema do estômago ou da boca?
Por trás de um mau cheiro, sempre ou quase sempre existe uma bactéria produzindo gases ao decompor substâncias orgânicas. Na boca, os dentes e as gengivas abrigam bactérias, daí a necessidade de escovação freqüente, inclusive da língua. No estômago, as bactérias produzem gases que também são eliminados pela boca, causando mau hálito. Alguns alimentos produzem gases de odor forte, como a cebola e o alho, e devem ser evitados se você não quer ter “bafo de onça” ou de dragão.


Vitamina em excesso não faz mal?
Normalmente, o excesso de vitaminas que ingerimos sai pela urina, que termina ficando de cor amarela e forte e com cheiro intenso. Porém, o excesso de vitamina A e de betacaroteno pode ser prejudicial à saúde. Em doses acima de 2.500 unidades internacionais (UI), ela deixa de ser antioxidante e passa a ter efeito contrário levando à incidência de arterosclerose e câncer de pulmão. Portanto, 2.500 UI diárias de vitamina A são suficientes.
Além disso, você sabe qual é a maior fonte natural de vitaminas no mundo? É o xixi dos americanos, que são os maiores consumidores de vitaminas e terminam eliminando pela urina o excesso que não é absorvido.


Telefone celular faz mal a saúde?
Já foi dito que os telefones celulares provocam câncer no cérebro. Mas nada ficou provado. As ondas de radiofreqüência são inócuas. Se pudéssemos vê-las passando ao nosso redor, ficaríamos assustados. Vivemos envoltos em ondas e nem por isso adoecemos mais. Mas persiste a fantasia popular sobre as ondas em geral. Por isso, vale a pena lembrar que há quase cem anos somos cercados por ondas de rádio e ninguém até hoje teve sua saúde afetada por elas. Mais recentemente, fomos invadidos pelas ondas da televisão e continuamos ilesos. Agora é a vez dos telefones celulares.

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Receitas para combater estrias e gordura localizada

Melhore o aspecto da pele com estrias e gordura localizada, com receitas simples e baratas que podem ser feitas em casa e são de fácil manipulação.

As receitas levam somente ingredientes naturais e têm o objetivo de deixar a pele mais bonita e lisinha.

Confira as receitas de máscaras anti-estrias, contra gordura-localizada e uma para fazer esfoliação para remover as células mortas e renovar a pele!


Máscara contra a gordura localizada

Ingredientes:
½ litro de chá de cavalinha
5 gotas de ginseng
Use a loção para fazer uma massagem circular para ativar a circulação num diâmetro. Coloque algumas gotas de óleo de girassol na região a ser tratada e massageie. Em seguida, enrole a região a ser tratada com papel filme. Retire depois de 30 minutos.

Máscara anti-estrias

1º Passo
Faça uma gomagem para remover as células mortas.
Receita da gomagem:
2 colheres de fubá
2 colheres de aveia
2 colheres de germe de trigo
4 colheres de água
Misture tudo e massageie em toda a região a ser tratada. Em seguida, utilize uma bucha vegetal levemente umedecida e faça movimentos circulares.

2º Passo
Energizando a pele. Massageie as estrias em movimentos contrários à sua direção. Por exemplo, se as estrias forem horizontais, faça movimentos verticais. Os movimentos devem ser fortes e intensos para que a circulação seja ativada. O local ficará vermelho e quente. A massagem pode ser feita com rosa mosqueta ou óleo de germe trigo. Em seguida, aplique uma máscara de mel puro em toda a extensão tratada e coloque um filme plástico em cima deixando agir por cinco minutos.

3º Passo
Retire com água corrente e aplique uma loção
Receita da loção:
½ litro de soro fisiológico
5 gotas de ginseng
2 gotas de própolis
5 cenouras batidas na centrífuga
Misture os ingredientes. Com um algodão embebido nesta loção, faça uma aplicação por 5 minutos e deixe a região descansar.

Máscara esfoliante


Ingredientes:
2 colheres de sopa de fubá
2 colheres de sopa de aveia em flocos
2 colheres de sopa de leite de soja
2 colheres de sopa de gérmen de trigo (cereal)
1 copo e meio de água mineral
Misture primeiro os sólidos e acrescente a água. Deixe descansar por 5 minutos e aplique na área a ser esfoliada fazendo movimentos circulares por cerca de 15 minutos.
Não faça esta esfoliação no rosto, pescoço e colo.

Ginástica

A aula que apresentamos aqui concentra movimentos inspirados em treinamentos para luta. Feitos três vezes por semana e da forma correta, os agachamentos, chutes e abdominais vão desenhar seus músculos e deixá-la pronta para encarar a miniblusa e a minissaia.

“Os exercícios trabalham o equilíbrio e fortalecem o core, centro de força do corpo, formado pelos músculos abdominais e daqueles que dão sustentação às costas, o que ajuda a tirar a pressão da lombar e manter a coluna neutra”, diz Claudia Piotto, que adaptou os movimentos de Duncan para esta aula. Cada agachamento estimula a resistência muscular localizada, tonificando as pernas. “O efeito é o de uma aula de ginástica localizada, só que com maior gasto calórico”, completa. Se você está começando, reduza o número de séries. Garotas adiantadas podem fazer a seqüência duas vezes.

1. Agachamento
Em pé, pés afastados na largura dos quadris, pontas voltadas para a frente. Flexione os joelhos como se fosse sentar em uma cadeira, mantendo as costas retas e as mãos fechadas e cruzadas à frente do peito. Volte devagar. Essa é a posição inicial dos primeiros exercícios.
1 série de 16x
Dica: não deixe os joelhos fecharem.

2. Agachamento afastado com elevação lateral
A posição inicial é a mesma do exercício anterior: pés afastados e joelhos flexionados voltados para a frente. Eleve, ao mesmo tempo, o tronco e uma das pernas estendida na lateral, mantendo a ponta do pé voltada para a frente, os quadris encaixados e as costas retas (não incline o tronco). O abdômen, bem contraído, ajuda a manter o equilíbrio. Volte à posição inicial e repita do outro lado.
1 série de 16x alternando as pernas
Dica: é mais importante manter a postura do que elevar a perna.

3. Agachamento afastado com elevação frontal
Posição inicial do agachamento. Eleve, ao mesmo tempo, o tronco e uma perna flexionada à frente, mantendo os quadris encaixados e as costas retas (não incline o tronco). Cotovelos flexionados e mãos fechadas na altura da cintura. Volte à posição inicial e repita do outro lado.
1 série de 16x alternando as pernas
Dica: a contração do abdômen facilita a postura.

4. Chute frontal Posição inicial do agachamento.
Ao elevar o tronco, eleve o joelho esquerdo flexionado e chute à frente. A perna de apoio fica semiflexionada e a elevação da outra não ultrapassa a altura do abdômen. O tronco se desloca um pouco para trás. Cotovelos flexionados e mãos fechadas na altura da cintura. Abdômen bem contraído.
1 série de 16x alternando as pernas
Dica: na hora do chute, é como se a sola do seu pé, flexionado, empurrasse uma parede.

5. chute lateral Posição inicial do agachamento.
Ao elevar o tronco, eleve o joelho direito flexionado e chute ao lado, sem ultrapassar a altura do abdômen. Perna de apoio estendida. O tronco se desloca para o lado. Cotovelo esquerdo flexionado e braço direito estendido. Abdômen bem contraído.
1 série de 16x alternando as pernas
Dica: se ajudar no seu equilíbrio, mantenha as mãos fechadas e cruzadas na altura do peito.

6. Meio círculo com o joelho flexionado
Perna esquerda à frente, joelhos flexionados. Eleve a perna direita flexionada à frente e faça um meio círculo (com o joelho voltado para fora), retornando à posição inicial. O abdômen fica contraído, os quadris encaixados e os ombros na linha dos quadris.
1 série de 8x cada perna
Dica: o movimento é rápido, como se você fosse dar uma joelhada.

7. Chute para trás
Em quatro apoios (joelhos, cotovelo direito e mão esquerda no chão), abdômen contraído, costas retas e pescoço alinhado. Leve o joelho direito até a linha dos quadris: o pé fica flexionado (a). O movimento é de um chute, como se empurrasse a parede com a sola do pé (b). Recolha o joelho à lateral do corpo (não deixe o joelho baixar) e chute novamente.
2 séries 8x cada perna
Dica: durante o movimento, os quadris não se mexem.

8. Chute lateral
Em quatro apoios (joelho direito aberto na linha dos quadris), estenda a perna para o lado: o movimento é de um chute, como se empurrasse a parede com a sola do pé. Recolha o joelho à lateral do corpo e chute novamente.
2 séries 8x cada perna
Dica: na hora do chute, estenda a perna mantendo a coxa na linha dos quadris.

9. Abdominal
Sentada, tronco inclinado, mãos no chão e voltadas para a frente (cotovelos flexionados), pernas flexionadas e calcanhares apoiados no solo (a). Contraia o abdômen e erga os joelhos até as pernas formarem um ângulo de 90 graus (b). Desça as pernas sem encostar os calcanhares no solo.
3 séries de 16x .(descanse 1 min entre as séries: deite e abrace os joelhos para relaxar as costas)
Dica: para manter as costas retas, imagine que um fio passa pelas suas costas e sai pela cabeça, puxando-a na diagonal.

10. Abdominal
Deitada, mãos atrás da cabeça, abdômen contraído (costas coladas no chão), pernas formando um ângulo de 90 graus. Os ombros não encostam no solo (a). Contraia ainda mais o abdômen, eleve os ombros e, ao mesmo tempo, estenda e desça a perna direita, sem encostar o calcanhar no chão (b). Recolha a perna e volte os ombros, sem encostá-los no chão. Repita com a outra perna.
2 séries de 16x alternando as pernas.
Dica: para não concentrar a força no pescoço, procure afastar os ombros das orelhas.

Faça esta aula três vezes por semana, em dias alternados.

Estria: o que é, como evitar, tratamento. O que são as estrias?

As estrias surgem da ruptura das fibras de colágeno e elastina, responsáveis pela elasticidade, que estão localizadas na derme (camada profunda da pele) que ocorrem por sua distensão exagerada ou devido a alterações hormonais. É comum o surgimento durante a puberdade em decorrência do crescimento acelerado nesta fase da vida e também na obesidade e na gravidez. Atinge os dois sexos porém é mais freqüente no sexo feminino.


O aparecimento de estrias no corpo masculino é menor porque eles não engravidam e sofrem menos do "efeito sanfona". Além disso, a produção de estrógeno e progesterona na mulher ajuda a estimular o aparecimento das lesões.

Nas mulheres, elas aparecem com mais freqüência nas nádegas, no abdômen e nas mamas. Nos homens, costumam localizar-se no dorso e na parte inferior das costas e externa das coxas.

Causa: Costumam aparecer durante a adolescência, fase de crescimento em que as fibras da pele fomadas por colágeno e elastina se rompem e os hormonios se alteram. A hereditariedade, assim como o conhecido efeito sanfona (emagrescer e engordar de forma rápida e constante), também favorece o estiramento da superficie. O alvo preferido é a região de glúteos, mama, abdômem e costas. Na gravides, os seios e a barriga merecem anteção especial porque podem surgir estrias, mesmo em quem nunca sofreu com o problema.

As estrias são lesões lineares, geralmente paralelas, que podem variar de 1 a vários centímetros de extensão. Surgem principalmente nas coxas, nádegas, abdomem (gravidez) e dorso do tronco (homens). Inicialmente as lesões são avermelhadas ou róseas evoluindo mais tarde para uma tonalidade esbranquiçada. Em pessoas de pele morena as estrias podem ser mais escuras que a pele sadia. A pele na área afetada tem consistência frouxa.

Ganho ou perda de peso repentinos
Dieta pobre em proteínas e vitamina C, substâncias que contribuem com processo de produção de colágeno.Ausência de exercicíos: a atividade fisica beneficia a circulação e previne o problema Falta de controle do peso na gravidez.
O estiramento excessivo dos seios e da barriga pode causar estrias

Vitaminas




Vida saudáveis começa com uma boa alimentação, rica em cereais, frutas, verduras, carnes, legumes, leite e derivados. As vitaminas contidas nos alimentos têm um papel muito importante na manutenção da saúde (nutrição, crescimento, imunidade do organismo).

A falta de qualquer uma delas faz com que o organismo não funcione como deve, ocasionando as chamadas avitaminose ou hipovitaminoses, que são as carências de determinados tipos de vitamina no corpo, causando doenças como alguns tipos de anemias, o raquitismo, estresse oxidativo, envelhecimento celular.

Melhorar a alimentação significa cuidar melhor da saúde, pois uma alimentação saudável é a base de tudo.

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Dicas para emagrecer

Uma alternativa para driblar aquela vontade irresistível de comer doce é devorar uma maçã – a fruta é rica em carboidratos e ajuda a regular o nível de glicose no sangue.

Pipocas vendidas nos supermercados para o preparo em microondas tem a vantagem de ser feita sem gordura, o que engorda menos. A pipoca é uma boa fonte de fibras.

Uma partida de uma hora de tênis permite queimar aproximadamente 500 calorias, o equivalente a um Big Mac.


O queijo branco, menos calórico, é um alimento indispensável em uma dieta para perda de peso, pois seu alto teor de cálcio ajuda a eliminar gorduras.

Pequenos lanches fora do horário das refeições fazem bem à saúde. Mas, é preciso planejar. Nada de beliscar o dia todo. Na hora do lanche escolha frutas, saladas, iogurtes ou bolachinhas. Um sanduíche enorme ou um lanche que parece um jantar não vão ajudar em nada.

Tire suas Dúvidas sobre a obesidade


Como controlar melhor o peso?

A obesidade não pode ser tratada em curto prazo. O resultado disso é claro, a maioria das pessoas recuperam o peso num período de até cinco anos, além de levar a sentimentos de frustração e de dúvida com relação ao tratamento utilizado paraemagrecer.

O controle bem sucedido para indivíduos com peso pouco acima do normal e obesos, requer um programa interdisciplinar que envolva mudanças a longo prazo no estilo de vida, na alimentação, na atividade física e muita conscientização por parte da pessoa.


É necessário seguir uma dieta alimentar e praticar exercícios físicos?

É importante seguir uma dieta alimentar balanceada, pois fornece ao organismo todos os nutrientes (proteínas, carboidratos, lipídios, vitaminas e minerais) que ele precisa, na quantidade adequada e respeitando suas necessidades calóricas. A dieta, para auxiliar no tratamento da perda de peso, deverá ser individualizada e específica, pois as necessidades nutricionais e energéticas variam de acordo com cada pessoa.

O exercício físico é, sem dúvida, condição básica para o tratamento da perda e manutenção de peso, além de melhorar o condicionamento físico, aumentar o gasto energético, melhorar a composição corporal, reduzindo, conseqüentemente, os depósitos de gordura.

Será que sou obeso?

O Índice de Massa Corporal (IMC) é o método mais utilizado pela sua praticidade e é aceito como padrão de medida internacional. O IMC pode ser aplicado em homens e mulheres adultos e é calculado dividindo-se o peso atual (em Kg) da pessoa sobre a sua altura (em metros) ao quadrado. IMC= peso/ (altura)².


O que é peso ideal?


O peso ideal é aquele que propicia o máximo de saúde para o organismo.

Definindo obesidade

A obesidade é uma doença crônica e multifatorial, caracterizada pelo excesso de gordura depositada no organismo, em relação à sua massa muscular (massa magra).



Quais são as causas do excesso de peso?

A obesidade envolve uma série de fatores combinados, dentre eles: hereditários, emocionais, sócio-econômicos, ambientais e hormonais. Todos estes fatores colaboram para o aparecimento do excesso de peso, além de contribuir para um consumo maior de calorias do que o necessário e utilizado pelo organismo.

Sendo assim, a obesidade é identificada quando há um desequilíbrio energético, ou seja, a energia ingerida (a quantidade de calorias que você come) é maior do que a energia despendida (o número de calorias/energia gasta pelo seu corpo) por um longo período de tempo. Vale ressaltar, que a idade e o sexo também interferem no peso, pois a partir dos 35 anos ocorre uma diminuição da massa muscular e quanto menos músculos, menos calorias o organismo queima. As mulheres sofrem mais com o excesso de peso, pois apresentam índices maiores de gordura corporal e menores de massa muscular que os homens, além de sofrerem com oscilações hormonais.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Quais as conseqüências que o excesso de peso pode trazer?


É importante lembrar que a obesidade não é só um problema estético.
Ela pode contribuir para o aparecimento de diversos problemas e complicações no organismo como artrose (degeneração nas cartilagens das articulações), dores na região lombar (costas), dificuldades respiratórias (falta de ar), sudorese excessiva (suor em excesso), além de aumentar o risco de doenças como hipertensão arterial (pressão alta), diabetes, doenças cardiovasculares, dislipidemias (colesterol e triglicerídios elevados), prejudicando a saúde e a qualidade de vida da pessoa.

O que é a obesidade


A obesidade representa um problema caracterizado por um excessivo acúmulo de gordura nos tecidos. Se trata de um distúrbio que, além dos problemas de natureza estética e psicológica, constitui um importante risco para a saúde, e quando não corrigido, danifica o coração, as artérias (sobretudo as coronárias), o fígado, as articulações, o sistema endócrino. Uma pessoa pode ser definida como obesa quando o seu peso corpóreo supera 20% do peso considerado ideal.

Emagrecer é possível

Fazer opção por emagrecer não é apenas uma questão de estética. Muito mais que isso, é uma opção de vida. A obesidade (ou simplesmente EXCESSO DE PESO), pode definitivamente contribuir para que a pessoa tenha uma péssima qualidade de vida. O obeso - obesa é discriminado/a, a ponto de sentir-se excluído do meio social em que vive. Isso sem fazer menção à questão da saúde, que é tanto pior quanto maior seja o excesso de peso e o tempo em que a pessoa permanece gorda.
A situação é muito séria! As estatísticas apontam que cerca de 40% dos brasileiros têm excesso de peso. Justamente em uma época em que o culto ao corpo e os investimentos na beleza física têm alcançado grande destaque em todas as camadas socias, temos tantas pessoas por esse mundo a fora sofrendo com a obesidade e o excesso de peso.
A Organização Mundial de Saúde considera a obesidade, no momento, como uma das principais doenças de saúde pública. O obeso, como profissional, produz bem menos do que produziria se magro.
Ninguém é obrigado a aceitar esta situação. Existe tratamento para a obesidade; tratamento profissional, de qualidade, permitindo ao obeso emagrecer, recuperar sua auta-estima e alegria de viver.
Se voce necessita di emagrecer realmente, inicie imediatamente uma dieta emagrecedora apropriada. Não perca tempo !

Lembre-te contra o câncer de pele

Lembre-se: O câncer de pele tem cura quando diagnosticado e tratado precocemente.

Ao perceber qualquer alteração na pele, consulte o médico.
Usar o filtro solar apenas uma vez durante todo o dia não protege por longos períodos. É necessário reaplicá-lo a cada duas horas, durante a exposição solar. Mesmo filtros
solares “à prova d’água” devem ser reaplicados.

Proteja-se do Câncer de Pele

Sol é importante para a saúde, mas é preciso ter cuidadoo com o excesso. Quando os raios ultravioleta (tipo B)atingem as camadas mais profundas da pele, podem alterar
suas células e provocar envelhecimento precoce, lesões nos olhos e até câncer de pele.
Alguns cuidados especiais são necessários, principalmente para as crianças e para aqueles que trabalham ao ar livre:Evite exposição prolongada ao sol entre 10h e 16h;

Não deixe de usar:

Chapéus de abas largas;


Camisa de manga longa;


Calça comprida;


Se puder, use óculos escuros e protetor solar;

Usar o filtro solar apenas uma vez durante todo o dia não protege por longos períodos. É necessário replicá-lo a cada duas horas, durante a exposição solar. Mesmo filtros solares “à prova d’água” devem ser reaplicados.
Procure lugares com sombra, sempre que possível;
Evite trabalhar nas horas mais quentes do dia.

Sinais de alerta do cancêr de pele

O que procurar: Manchas que coçam, ardem, escamam ou sangram;
Sinais ou pintas que mudam de tamanho, forma ou cor;
Feridas que não cicatrizam em 4 semanas;Mudança na textura da pele ou dor.
Como fazer:

Em frente a um espelho, com os braços
levantados, examine seu corpo de frente, de
costas e dos lados direito e esquerdo;
Dobre os cotovelos e observe cuidadosamente-
te as mãos, antebraços, braços e axilas;
Examine as partes da frente, detrás e dos
lados das pernas, além da região genital;
Sentado, examine atentamente a planta
e o peito dos pés, assim como os espaços
entre os dedos;
Com o auxílio de um espelho de mão e de uma
escova ou secador, examine o couro cabeludo,
pescoço e orelhas;
Também com o auxílio do espelho de mão,
examine as costas e as nádegas.

domingo, 16 de dezembro de 2007

Quando começar a proteção solar?


Comece o quanto antes. Cerca de 75% da radiação solar recebida durante a vida ocorre nos primeiros 20 anos. Os efeitos da radiação ultra-violeta só se manifestam com o passar do tempo. As lesões começam a aparecer na maioria das vezes ao redor dos 40 anos . Portanto, proteja as crianças e estimule os adolescentes a se protegerem.

Câncer de Pele


A pele é o maior órgão do corpo humano. É dividida em duas camadas: uma externa, a epiderme, e outra interna, a derme. A pele protege o corpo contra o calor, a luz e as infecções. Ela é também responsável pela regulação da temperatura do corpo, bem como pela reserva de água, vitamina D e gordura.

Embora o câncer de pele seja o tipo de câncer mais freqüente, correspondendo a cerca de 25% de todos os tumores malignos registrados no Brasil, quando detectado precocemente este tipo de câncer apresenta altos percentuais de cura.

As neoplasias cutâneas estão relacionadas a alguns fatores de risco, como o químico (arsênico), a radiação ionizante, processo irritativo crônico (úlcera de Marjolin), genodermatoses (xeroderma pigmentosum etc) e principalmente à exposição aos raios ultravioletas do sol.

Câncer de pele é mais comum em indivíduos com mais de 40 anos sendo relativamente raro em crianças e negros, com exceção daqueles que apresentam doenças cutâneas prévias. Indivíduos de pele clara, sensível à ação dos raios solares, ou com doenças cutâneas prévias são as principais vitimas do câncer de pele. Os negros normalmente têm câncer de pele nas regiões palmares e plantares.

Como a pele é um órgão heterogêneo, esse tipo de câncer pode apresentar neoplasias de diferentes linhagens. Os mais freqüentes são: carcinoma basocelular, responsável por 70% dos diagnósticos de câncer de pele, o carcinoma epidermóide com 25% dos casos e o melanoma, detectado em 4% dos pacientes. Felizmente o carcinoma basocelular, mais freqüente, é também o menos agressivo. Este tipo e o carcinoma epidermóide são também chamados de câncer de pele não melanoma, enquanto o melanoma e outros tipos, com origem nos melanócitos, são denominados de câncer de pele melanoma.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

Exame Preventivo de Câncer - Papanicolau


O exame ginecológico é um dos mais importantes exames para a saúde da mulher.
É normal que existam medos e ansiedades para a sua realização.
O exame é simples, e tem reduzido as mortes por câncer de colo de útero em 70 %, desde sua criação pelo Dr. George Papanicolaou em 1940. O sucesso do teste é porque êle pode detectar doenças que ocorrem no colo do útero antes do desenvolvimento do câncer. O exame não é somente uma maneira de diagnosticar a doença mas serve principalmente para determinar o risco de uma mulher vir a desenvolver o câncer.

Quem pode e deve fazer o exame ?
Todas as mulheres com ou sem atividade sexual devem fazer o exame anualmente.

Qual a melhor época para fazê-lo?
No mínimo uma semana antes de sua menstruação. Evite duchas, cremes vaginais, e relações sexuais tres dias antes do exame.

No que consiste o exame ginecológico ?
O exame completo é constituído do exame das mamas e depois o exame ginecológico. Este é constituído pelo exame externo da vulva e depois a colocação de um especulo na vagina para visualizar a vagina e o colo do útero.
Também consiste no exame de toque vaginal quando o médico coloca dois dedos na vagina para examinar os órgãos internos da pélvis feminina.

Mulheres virgens também devem ser examinadas ?
Sim, existem diversas técnicas que permitem o exame de mulheres virgens. Avise o médico que você é virgem ANTES do exame.

O que o médico vê lá dentro ?
O exame mostra o interior da vagina e o colo do útero.

O que é o colo do útero?
Colo do útero é a parte do útero que fica dentro da vagina.

E o exame preventivo de câncer, o que é ?
Este exame é a colheita de material do colo do útero o qual é mandado para um laboratório especializado em citopatologia. Também é chamado de citologia oncótica, colpocitologia, Papanicolau, e fora do Brasil é conhecido como Pap Test ou Pap Smear. Este exame pode ser complementado com a Colposcopia.

Quais são os possíveis resultados ?
O resultado pode ser fornecido em Classes de Papanicolau que variam de I a V ou em descrição das lesões. Estes resultados devem ser interpretados exclusivamente por seu médico. Se tiver dúvidas pergunte.

Mas este exame só serve para isto ?
Não, a citologia serve para determinar outras condições de saúde de seu corpo tais como nível hormonal, e doenças da vagina e doenças do colo do útero. Por isto é importante que seja o seu médico quem interprete o exame e lhe dê medicamentos específicos para estas alterações.

O exame dói ?
Não. É preciso estar relaxada. Converse com seu médico se estiver com medo.

O que é o câncer de colo de útero?
Câncer de colo do útero são alterações celulares que tem uma progressão gradativa e é por isto que esta é uma doença curável quando descoberta no início.

Onde fazer o exame ?
Se você tem um convênio médico ou usa um médico particular marque uma consulta com seu médico ginecologista de confiança. Este exame também pode ser feito gratuitamente em qualquer Unidade Básica de Saúde do Sistema Único de Saúde e também em todas as Faculdades de Medicina do Brasil. Procure por um Serviço de Saúde da Mulher.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

O umbigo


A maioria dos bebês chega em casa dos hospitais com um vestígio do cordão umbilical ainda grudado ao umbigo. Até que ele caia, dê banho apenas de esponja no seu bebê. Limpe a área do umbigo duas vezes ao dia com uma esponja de algodão embebida em álcool. Faça isso com cuidado em toda a área do umbigo, certificando-se de atingir a base do toco do cordão. Fique atenta quanto à presença de matéria amarela (um tipo de secreção que pode se desenvolver) e vermelhidão da pele. Estes são sinais de possível infecção: avise o médico pediatra se os sinais persistirem. Mantenha a aba superior da fralda do bebê dobrada para baixo do umbigo para ajudar a manter a área seca. Algumas fraldas são feitas com uma parte recortada para acomodar o cordão.

Quando o cordão cai, geralmente, de 10 a 12 dias depois do nascimento é comum algumas gotas de sangue restarem no umbigo. Nenhuma bandagem, faixa ou fita são necessários. Se o umbigo não secar dentro de poucos dias depois de cair, um granuloma umbilical pode aparecer. Isto é um pequeno pedaço de tecido do umbigo na junção do antigo cordão e da nova pele. O pediatra pode resolver a situação facilmente no primeiro exame de rotina. Se houver muito sangue ou um cheiro desagradável vindo do cordão, consulte o médico para obter instruções sobre quaisquer cuidados especiais necessários.

O Banho


* Antes de começar o banho, deixe tudo preparado e próximo a você: material de higiene, roupinha do bebê e toalha.
* Evite correntes de ar no local do banho.
* Escolha a roupinha de acordo com o clima.
* Use somente sabonete neutro.
* Prepare a banheira lavando-a com água e sabão.
* A água pode ser do chuveiro, mas teste sempre a temperatura na parte anterior do seu braço, onde a pele é mais fina. A água deve estar morna.
* Coloque a banheira em um local apropriado para a altura da mamãe, do papai ou de quem estiver dando o banho.
* Comece o banho lavando o rostinho do bebê. Em seguida, lave a cabecinha e enxágue o corpinho com delicadeza. Por fim, vire-o para lavar as costas, prestando atenção para que rostinho fique fora da água.
* Coloque o bebê sobre a toalha. enxague bem o rostinho, a cabecinha, o corpo, entre as dobrinhas, dedinhos do pé e da mão. Não use talco nem perfume.
* Seque o coto umbilical e o enrole com uma gaze umedecida em álcool absoluto ou a 70%.
* Verifique a região genital. Se necessário, use algodão o óleo mineral pra higiene local antes do banho.
* Passe uma fina camada de creme preventivo de assadura e coloque a fralda.
* Vista seu bebê com amor a carinho.

9 passos para ter em casa o efeito de salão!

1 - Antes de entrar no banho, penteie os fios para desatar os nós e eliminar parte da sujeira acumulada.
2 - Regule a água do chuveiro. Ela deve ser morna, jamais quente!
3 - Use o chuveirinho. Com ele, umedeça os fios uniformemente.
4 - Aplique xampu para o seu tipo de cabelo: coloque o produto em uma das mãos e, junto com a outra, espalhe-o em toda a cabeça.
5 - Com a ponta dos dedos (nunca com as unhas!), massageie o couro cabeludo com movimentos circulares.
6 - Enxágüe bem os fios e repita a operação.
7 - Coloque o condicionador nas mãos, esfregue uma na outra, e vá aplicando o produto do meio para as pontas. Separe o cabelo em mechas e massageie com movimentos de cima para baixo, como se você estivesse alisando os fios.
8 - Aguarde 2 minutos e enxágüe bem os cabelos. Passe os dedos abertos entre os fios para soltar os nós. Mexa o cabelo ou balance a cabeça para ver se os fios estão soltos e leves.
9 - Não faça turbante nem esfregue o cabelo. Apenas cubra a cabeça com uma toalha macia e pressione com as mãos, para remover o excesso de água. Para secar adequadamente, passe a toalha das pontas para a raiz.

Cabelos Bonitos como Lavados no Salão


Fios macios e cheirosos, como se lavados por profissional! Aprenda como escolher, aplicar e enxaguar o xampu e os cremes


1. Por que lavar no salão é melhor do que em casa?Os salões trabalham com água mineral ou filtrada. E a posição da cabeça no lavatório permite que o profissional ensaboe, massageie e remova o produto de maneira uniforme.


2. Como passo o xampu?Com suavidade, sem esfregar. Nunca use as unhas. Com a ponta dos dedos, massageie o couro cabeludo fazendo movimentos circulares, para limpar e ativar a circulação. Já nos fios, deslize as mãos unidas, de cima para baixo, mecha por mecha. Assim evitará quebras.


3. Xampu dissolvido com água maltrata menos?Não, fórmulas atualmente são equilibradas. Ao adicionar água, você dilui os princípios ativos e o xampu perde a eficácia.


4. Preciso passar o xampu duas vezes? Se você lava o cabelo todos os dias, não. Caso contrário, é recomendável a reaplicação para remover resíduos (de poluição e cremes), deixando o couro cabeludo completamente limpo.


5. Como posso saber se enxagüei bem?Passe as mãos no cabelo levando a umidade da raiz para as pontas. Se fizer espuma, ainda há xampu.


6. Xampu caro é melhor?Nem sempre. Xampu bom é aquele que atende às necessidades de seu cabelo. Use marcas conhecidas, que equilibram os ingredientes nas fórmulas.


7. Devo mudar o xampu de tempos em tempos?Não é uma regra. Se você, por exemplo, usa xampu para cabelos ressecados e, após várias lavagens, percebe que os fios estão hidratados, não precisa mais desse produto. A dica é: quando você perceber que o xampu não está mais deixando seu cabelo bonito, é hora de reavaliar o estado dos fios e mudar.


8. Todo cabelo precisa de condicionador? Não. Depende da constituição genética e da quantidade de química que se usa. Como a maioria faz luzes, relaxamentos, tinturas e escovas, precisa usar condicionador.


9. Água fria é melhor? Sim. Ela fecha as escamas dos fios, mantendo-os uniformes. E, quanto mais uniformes, mais brilhantes.


10. Se meu cabelo for crespo e escuro, e estiver alisado e com mechas, que tipo de xampu devo usar? Observe como seu cabelo está, e não como ele é. Um crespo alisado deve ser lavado com xampu para cabelos quimicamente tratados. Há produtos para alisados e para mechas. Então, o ideal é intercalar.


11. Com raízes oleosas e pontas secas, que xampu eu uso? Para cabelo oleoso. Hidrate as pontas com um creme sem enxágüe (leave-in).


12. Leave-in, condicionador e creme para pentear são a mesma coisa?Não. O condicionador deve ser removido com água. Já os cremes para pentear e leave-in tratam os fios ao longo do dia.


13. Para que serve o anti-resíduos? Com grande poder detergente, é indicado para quem vive exposto à poluição ou utiliza cremes leave-in diariamente. Deve ser usado a cada 4 ou 5 lavagens.


14. O xampu e o creme devem ser sempre da mesma linha e marca? Sim, porque ambos são elaborados para a mesma finalidade, com os mesmos princípios ativos e modo de ação.


15. Posso lavar todos os dias?Sim, mas o excesso de detergente remove o filme protetor de oleosidade natural dos fios, provocando ressecamento. O cabelo fica áspero, rebelde e com pontas duplas. Xampus neutros (ou para uso diário) são ideais para cabelos frágeis ou com química forte.


16. Creme na raiz provoca queda de cabelo? Aplique a 3 dedos da raiz. O condicionador deixa o couro oleoso, com caspa, e isso favorece a queda.


17. Para que caso é recomendado o xampu sem sal? O xampu sem sal tem o pH mais ácido, que é melhor para o couro cabeludo. É recomendado para quem fez escovas progressivas ou definitivas.


18. Para que se aplica o silicone nas pontas? Para amenizar pontas duplas e ressecadas. O silicone melhora a aparência porque une as pontas, mas não resolve. A solução é cortar o cabelo.


19. É errado esfregar a toalha para secar? Sim, quebra os fios. Pressione, da raiz às pontas.


20. Xampus para cabelos tingidos funcionam? Com estabilizador de cor e filtro solar fixam os pigmentos e tratam a estrutura do fio.


21. Com que freqüência devo lavar? No mínimo, de 3 em 3 dias. Se a raiz for oleosa, você deve lavá-lo diariamente.

Cabelo - Pronta para o Verão

A gente sabe que é impossível manter-se afastada do sol durante as férias. Só que quem sofre com isso, é o nosso cabelo. Portanto, antes de sair por aí aproveitando as delícias da temporada, trate de revitalizar e fortalecer a cabeleira com óleo de oliva e suco de limão.




Ingredientes:

1 col. (sobremesa) de óleo de oliva
1 col. (sobremesa) de suco de limão





Modo de usar:

Depois de misturar bem as duas substâncias, aplique-as no couro cabeludo, com os cabelos secos, massageando bem. Deixe agir por 15 minutos e lave a cabeça como de costume. A receita pode ser aplicada até três vezes por semana.

Fonte: livro Cuidados Naturais para a Beleza e a Saúde, Helena Gerenstadt

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

A primeira visita ao dentista



É com seis meses de vida que começam a aparecer os primeiros dentinhos do bebê. E é também nesse momento que deve acontecer a primeira visita ao odontopediatra. Normalmente, os dois dentes inferiores da frente são os primeiros a nascer, seguidos pelos dois de cima. Até os dois ou três aninhos de vida da criança vão surgindo os outros dentes de leite.



Os odontologistas recomendam que crianças e adolescentes visitem o dentista a cada seis meses. Esse é o tempo ideal para detectar qualquer início de cárie e conseguir combate-la sem que o dente tenha que ser restaurado.



Se a primeira consulta do bebê acontecer logo que aparecer o primeiro dentinho, os pais podem ser orientados a acompanhar a erupção dos outros dentes e assim, possivelmente, a criança nunca terá uma cárie.



Outra vantagem de começar os cuidados cedinho é que a criança vai acostumando com o ambiente, com os profissionais e com os procedimentos. Se na primeira consulta a criança já apresenta uma cárie, ela terá que ser submetida à anestesia para fazer a obturação. Muitas vezes, a visita é tão tardia que a criança precisa tratar o canal ou até mesmo extrair o dente.



Então, é bom lembrar. Para que a criança não sofra nem fique traumatizada, o melhor é prevenir!


A Escolha do Creme Dental


Crianças menores de três anos devem utilizar pastas dentifrícias com certo critério. Como nesta idade não há coordenação motora para cuspir, a criança tende a engolir toda a pasta durante a escovação. O problema é que, durante essa fase da infância, a ingestão em excesso de pasta com flúor pode causar fluorose nos dentes permanentes, que são pequenas manchinhas brancas no esmalte.

Desta forma, os pais devem proceder a escovação utilizando mínimas quantidades de pasta convencional ou optar por produtos com menores concentrações de flúor ou livres de flúor. A orientação de um profissional nesta faixa etária é importante para diminuir o risco de fluorose.

Os dentes de leite já são muito branquinhos, daí o nome "leite", portanto, nessa fase, o uso de branqueadores para clarear os dentes é totalmente dispensável. No entanto, como esta é uma questão estética, os pais que acharem alguma necessidade do uso de branqueadores devem fazê-lo apenas sob orientação de um profissional.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Como cuidar do seu bebê

Desde a higiene até a escolha do local para o berço, é preciso ter muita atenção. Um ambiente tranqüilo e algumas técnicas simples contribuem para deixar o seu bebê mais calmo, garantindo um crescimento saudável.

Nosso Bebê


Ate que fim passou se os nove meses, e chegou o momento tão esperado: cuidar do bebê que acabou de chegar.
São tantas emoções, e tantas dúvidas que não param de surgir.
Sabemos que este momento importante, exige muita concentração, e muitos cuidados.
Por este motivo estarei postando algumas informações especiais, para cuidados com o seu bebê.
Tive muitas dúvidas a cerca do meu neném, a linda Fernanda. Mas graças a Deus muitas ajudas, principalmente do meu lindo esposo. A ajuda do esposo é muito importante, pois a mamãe encontra-se muito frágil em vários aspectos: Emocionalmete, pontos para serem tratados, amamentação, banho do neném, cuidados com o umbigo, cólicas e muitas outras coisas, que afetam a mamãe.
Então vamos dar a volta por cima, e começar a encarar a realidade.
Boa sorte, e uma boa leitura.

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Abuse sem medo- Protetor Solar


Falta bem pouco para pisar na areia! Portanto, a palavra-chave do momento é proteja-se: "Ainda sem roupas, aplique aplique o protetor solar no corpo todo, de forma circular e generosa, que é para não ter a chance de os limites do tecido com a pele ficarem sem coberta", Se preferir, tome um banho antes para retirar qualquer maquiagem ou perfume que possa manchar sua pele.
Fique atenta no que você tem que levar para praia: protetores solares para o corpo, rosto e lábios(passe o protetor solar de 2 em 2 horas), óculos de sol, camiseta, chinelos e água, bastante água.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Antes de ir para praia


Suquinho da hora "pelo menos 30 minultos antes de ir para o sol, você pode consumir um suco de cenoura ou uma vitamina composta por alguns alimentos, que ajudam no bronzeamento.

Ingredientes
* Suco de 3 laranjas * 1/2 beterraba crua * 1 cenoura média

Modo de fazer
Centrifulgue a cenoura e a beterraba e misture ao suco de laranja.
Então beba a vontade.